quinta-feira, 24 de janeiro de 2019

O QUE ACONTECER SE VOCÊ NÃO PAGAR O SEGURO DPVAT?

Anualmente, o proprietário de veículos tem de cumprir com alguns valores essenciais para garantir a sua circulação nas ruas de maneira legal. Um destes valores é o DPVAT, seguro que garante cobertura e indenização para os envolvidos em um acidente.  Mas o que acontece se você não pagar o seguro DPVAT? Saiba tudo no texto a seguir.


O que é o DPVAT?

O seguro DPVAT é muito importante, pois garante que o motorista seja indenizado em caso de alguma situação. Diferente da maioria dos seguros, o obrigatório proporciona valores menores a serem pagos e é um dos poucos que não busca uma causa para o acidente.

Como não precisa de uma causa para o ocorrido, o DPVAT proporciona a indenização por danos e gastos médicos para qualquer pessoa envolvida no acidente, seja passageiro, motorista ou pedestre.

Não paguei o DPVAT, e agora?

Como é um valor obrigatório, não cumprir com o seguro DPVAT pode gerar algumas consequências para o motorista. Por isso, o ideal é que você esteja preparado para o valor DPVAT 2019 e cumpra o pagamento dentro do prazo estimado.



Todo ano, o motorista deve cumprir as taxas obrigatórias e geralmente, a cobrança do DPVAT vem junto com a do IPVA. Quando deixa de cumprir com tais valores, fica inviável para o proprietário realizar o licenciamento do seu veículo.

Além de ficar impossibilitado de solicitar o licenciamento, documento que comprova que o veículo está apto a circular pelas ruas, quem deixa de cumprir com o DVPAT não pode receber a indenização. O mesmo ocorre com os envolvidos, que só pode ser indenizados quando os motoristas colocarem a taxa em dias.

Como acionar o seguro DPVAT?

Solicitar o seguro do DPVAT é simples, mas vale lembrar que o processo deve ser realizado dentro do período útil. Você deve unir seus documentos, assim como os do seu veículo e se dirigir até a seguradora responsável pelo recurso em sua região.

Existem algumas categorias do seguro, como por exemplo, indenização por danos físicos, por morte e por gastos médicos. Será necessário comprovar a situação vivenciada, portanto, fique atento aos documentos necessários.

Qualquer pessoa pode solicitar o seguro, basta estar munido da documentação e dos comprovantes para ser indenizado. É possível receber até R$13,500 com o seguro DPVAT para invalidez ou morte de parentes legítimos. Os valores podem variar de acordo com a situação dos envolvidos, por isso, confira em uma unidade responsável.